Warning: Division by zero in /home/ft8co671/public_html/templates/ajt005_j30/functions.php on line 31

Invasão extraterrestre

Imprimir
Categoria: Mistérios da Humanidade Escrito por FT8 - O Canal 8 de notícias.
Bookmark and Share

Alucinação, conspiração, delírio ou uma grande brincadeira?

Parece mentira, mas muita gente acredita que estaríamos sendo vigiados...

Uma ex-funcionária do Banco Mundial polemizou em uma entrevista divulgada no canal de vídeos Youtube. Karen Hudes afirmou que o Vaticano e a economia global estão sobre controle alienígena.  De acordo com a executiva alienígenas com aparência “não-humana” estariam por trás dos principais rumos do Planeta Terra.  Os supostos extraterrestres teriam crânios alongados e um QI bastante superior em comparação com o humano médio.

Para ela, os “tais” ETs convivem com nossa civilização por milhares de anos, desde a época do gelo. A afirmação corrobora com a mítica teoria do “Astronauta Antigo” inaugurada pelo genial escritor Erich von Däniken. Além disso, toda a história de encobrimento revelada por Hudes coloca gasolina na Teoria da Conspiração Mundial.

Verdade ou mentira, o fato é que entre as teorias conspiratórias mais populares figuram personagens os mesmos personagem citados por Hudes como o Vaticano e o Banco Mundial.    

Não é a primeira vez 

De acordo com informações divulgadas anteriormente, o ex-ministro da defesa canadense Paul Hellyer também já confirmou a existência de seres extraterrestres convivendo com humanos na terra. Segundo ele a verdade estaria sendo encoberta por organizações “interessadas” em esconder a verdade. 

Escalada de eventos

Depois do advento da internet, pipocaram por todos os lados informações sobre avistamentos, encobrimentos e alienígenas. A quantidade enorme de informação produzida sobre esses assuntos nos últimos anos é capaz de deixar qualquer um confuso (de fato está cada vez mais difícil distinguir realidade de ficção).

Grande parte dos adeptos da Teoria da Conspiração Mundial acredita que a divulgação de informações fantasiosas, faz parte de uma estratégia global para colocar em descrédito qualquer assunto ligado à ufologia ou sobre a “tal” conspiração. Alguns ufólogos concordam com essa ideia e ainda afirmam que além dos encobrimentos promovidos por parte dos governos, existe uma resistência da comunidade cientifica em abordar o assunto.

Entre as teorias preferidas de conspiração está a do domínio global dos Illuminatis a Nova Ordem Mundial. A suposta seita secreta estaria encobrindo a verdade sobre a civilização humana e lançaria mão dos mais diversos artifícios para uma dominação global completa. Na realidade, os Illuminatis existiram na Baviera em 1776, mas não existem comprovações sólidas de que o grupo permanece ativo.

Ainda de acordo com a Teoria da Conspiração, a suposta Nova Ordem Mundial tanto citada, se trata de um governo global unificado compartilhando a mesma língua e moeda sob o domínio de um mesmo líder. Para que a mesma entre em prática, uma serie de eventos em ordem cronológica deve se concretizar. Esses eventos seriam reconhecidos por uma agenda sequencial bem planejada pelos “tais” Iluminatis

Hollywood entra em cena

Quando um grupo de jovens cineastas alçou ao sucesso com filme Bruxa de Blair, com um orçamento baixo e recursos limitados em 1999, não demorou para que vários diretores da poderosa fábrica de cinema da Califórnia percebessem o enorme potencial dos Pseudodocumentários. A estratégia por trás deste tipo de filme ou documentário é tentar fazer os espectador acreditar que tudo é baseado em casos reais.  Nessa leva surgiram diversas películas como “Atividade Paranormal” e “Contatos de Quarto Grau”. O pior da historinha é que muita gente acreditou e ainda acredita nessas bem montadas tramas como é o caso dos documentários “Sereias” e “Dragões” que coleciona uma legião de “crentes”.

Inspiração que rende milhões

Conspiração, cataclismo e mistério são três ingredientes poderosos para render uma boa trama. Os seriados de TV têm explorado bastante a temática e faturado uma boa quantia monetária. Entre os mais populares estão: Da Vinci´s Demons, Lost e Walking Dead.

Tudo virou ponto de questionamento

A popularidade das teorias conspiratórias é tão grande que qualquer evento do passado serve de inspiração introduzir várias teorias mirabolantes.  Todos os fatos parecem ter virado da noite para o dia ponto passível de crítica. Não falta gente afirmando que o homem nunca foi à lua, que tragédias são propositalmente armadas e que ex-presidentes americanos teriam sido assassinados por quererem revelar algum tipo de verdade oculta.

Nem mesmo a Segunda Guerra Mundial escapou.  O bárbaro e opressivo regime Nazista alemão, além de todos os crimes comprovadamente praticados, também já chegou a ser acusado em alguns documentários de complô “intergaláctico”.  Todo o embasamento para a teoria se deve ao rápido desenvolvimento bélico alemão na época e suas mirabolantes máquinas voadoras que não chegaram a sair do papel.

A ciência corre por fora

Nesse cenário confuso, a ciência corre contra o tempo e tenta provar todo tipo de evento do passado. Desde o Êxodo judaico descrito na Bíblia até a formação do universo com o Bing Bang. Tentar reconstruir algo do passado com bases sólidas parece estar inspirando também os avanços científicos.  

Estranho silêncio

Mesmo com todo o clima “conspiracionista” no ar, organizações responsáveis por revelações bombásticas da atualidade como Wikileaks se mantém distantes dos assuntos mirabolantes. Até o momento nada de impactante foi revelado por esses órgãos envolvendo alienígenas, dominação mundial e governos.