Novas oportunidades de carreira ligadas à tecnologia

Categoria: Empregos
Bookmark and Share

O profissional de telecomunicações ganha destaque com a expansão da Internet.

Hoje, a vida urbana está diretamente relacionada com as novas Tecnologias de Comunicação e Informação (TIC´s). A Internet modificou as formas de interação das pessoas com o mundo. E o Brasil segue essa tendência. A estimativa é que, atualmente, mais de 85 milhões de brasileiros têm acesso à internet. Esse número é potencializado pelo uso de celulares conectados à rede. Pesquisa realizada pelo Centro de Estudos sobre as Tecnologias da Informação e da Comunicação (Cetic.br) aponta que, entre 2008 e 2013, o número de brasileiros usuários da internet passou de quase um terço da população para mais da metade dela.

Apesar da expansão da rede, os usuários continuam restritos conforme a região em que moram e a classe social. Por exemplo, entre as classes A e B, 98% e 80%, respectivamente, é a proporção de casas com acesso à Internet, enquanto na classe C esse número cai para 39%. Contudo, esse é um campo em alta, principalmente, em regiões que fogem dos grandes centros. A presença da Internet, TV, celulares, jogo e comércio on-line, no dia a dia, só aumenta e, com isso, a demanda por um profissional específico: o de telecomunicações.

 

Segundo Eduardo Alves, diretor do Instituto Monitor, escola pioneira em educação a distância no Brasil, este é um mercado em crescimento e o profissional pode trabalhar em diversas áreas, como na instalação de redes ópticas e wireless, no desenvolvimento de projetos de redes e de comunicações, na operação e manutenção de sistemas de telecomunicações, dentre outras. De acordo com projeção da consultoria multinacional IDC, somente em 2014, o mercado brasileiro de telecomunicações e tecnologia da informação deve crescer 9,2%. “E para se preparar para esta demanda, o aluno pode realizar cursos específicos, rápidos e com custo reduzido, que oferecem todos os subsídios para operar essas tecnologias, com diferentes equipamentos, sistemas e redes”, diz, “A implantação do sistema de telefonia 4G no país e os investimentos em TV Digital só ampliam as oportunidades”, explica o diretor.

As vagas de trabalho se concentram, principalmente, em empresas que operam com sistemas de radiotransmissão, operadoras de telefonia fixa e móvel e concessionárias de serviços de televisão por assinatura e internet. “As principais organizações ainda se concentram nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro, mas a demanda por profissionais só tende a crescer em outras regiões do país”, afirma Alves.

“A vantagem dos cursos nesta área é que eles têm uma função determinada: capacitar o profissional para uma atividade específica, conforme a demanda do mercado ou simplesmente atualizá-lo”, conclui Alves. No Instituto Monitor, tem a sua disposição diversas opções de programas na área como Curso de Cabeamento Estruturado, Curso de Tecnologias Ópticas, Curso de Comunicações Wireless para Cidades Digitais, dentre outros. “Todos os cursos de telecomunicações são presenciais e durante as aulas os professores realizam exercícios, atividade práticas e demonstrativas que tem por objetivo fixar o conteúdo e preparar os alunos para as avaliações”, complementa o executivo.

 

Fonte:Instituto Monitor

 

Tags: Carreira